Guia prático para o desenvolvimento de aplicativos de sucesso

  • por

Quem nunca pensou em ter uma ideia de um app e faturar uma grana com ele? Bem, muita gente e poucas concretizaram esse pensamento. A ideia pode até surgir, mas como desenvolver o aplicativo é sempre um grande desafio. Há passos a seguir para da ideia inicial chegar à concepção do app. Neste artigo criamos um guia prático para lhe ajudar a concretizar o seu aplicativo.

Busca pela ideia perfeita

Vamos começar com a ideia, sabemos que um aplicativo é a solução digital de um problema real, assim, mais fácil de ter um insight do app é começar por aquilo que está habituado ou faz parte do seu mundo, quem sabe no seu trabalho, suas atividades cotidianas, etc. Será que não há algo que um aplicativo pode resolver?

Sim, encontrei um problema que um aplicativo pode resolver. O importante agora é escrever o objetivo dele com o máximo de informações de como resolverá esse problema. Chegou em uma solução boa, então a chance do app dar certo é maior.

 Rascunhar o projeto

O próximo passo é fazer o rascunho da interface do aplicativo, definir tudo o que ele precisa ter de informações e até como o usuário vai navegar por ele, ou seja, um fluxo de navegação que deve levar em conta a facilidade de interação do usuário com o app, de modo que ela seja positiva, mas não se preocupe, posteriormente você poderá contar com a ajuda da figura de UI (User interface) da empresa de desenvolvimento de aplicativos que irá contratar.

Como escolher a empresa de desenvolvimento de apps

Chega-se a um ponto crucial, a escolha da empresa de desenvolvimento de apps, pois dependendo da complexidade do app desenhado é certamente a melhor solução. Empresas como a Tria Software, especializada no desenvolvimento de aplicativos com sua equipe qualificada de programadores irá configurar servidores, banco de dados e toda parte operacional dos sistemas e plataformas. Nesta fase, é feita a programação de fatores como tamanhos de telas, especificações de hardware, configurações, sistemas operacionais, softwares, etc.

Avalie os projetos desenvolvidos por essa empresa, consulte clientes, valide a experiência, pois facilitará a concretização de seu aplicativo. Lembrando que nem sempre o custo menor é a melhor opção, pois pode levar ao atraso de desenvolvimento ou um aplicativo cheio de bugs e retrabalhos. Pense que outra pessoa pode ter a mesma ideia que você.

Visual do app

Depois de toda a programação de seu aplicativo é a vez de ele ganhar cara, criar um design atrativo, inspirador e que proporcione uma boa experiência ao usuário. Já falamos da interface do usuário e também que é nesta hora que a figura do UI (User Interface) e UX (User Experience) entram em ação. O fluxo de navegação que rascunhou vai ser avaliado por esses dois profissionais e a melhor solução será oferecida. Uma boa empresa de desenvolvimento de aplicativos, como é o caso da Tria Software já possui o time completo com programadores e UI/ UX, facilitando a gestão do projeto do app.

O sistema operacional

Uma pergunta frequente é qual sistema operacional desenvolver o aplicativo – Android ou IOS? A seleção de qual sistema operacional seu app vai ser configurado é importante para a definição de custos, pois cada um tem suas particularidades e utilizam, por exemplo, demandas de trabalho de programadores diferentes.

Entretanto, você pode iniciar com um único sistema operacional e depois adicionar outro em seu app ou ainda já configurá-lo simultaneamente para os dois sistemas. Qual a sua opção? Se ainda possui dúvidas, a empresa desenvolvedora também pode te ajudar na escolha, todavia, para isso tenha definido seu público-alvo, ou seja, para quem está desenvolvendo seu app, pois facilita a decisão.

Teste, teste e teste novamente

O aplicativo ficou pronto? Vamos lançar? Ainda não, pois esse deve ser testado para que ele seja um sucesso. E não são poucos os testes, deixe um tempo para isso, pois é importante colher opiniões sobre o app, descobrir falhas, ajustar e só depois de não ter mais o que testar lançar o aplicativo.

É, não é tão simples o lançamento de um app, mas seguindo esses passos pode ser que minimize que ele não passe de uma ideia. Mãos à obra!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *